segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Empresa dona de helicóptero que transportava Boechat não podia fazer táxi aéreo, diz Anac

Compartilhe
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) afirmou que o helicóptero que caiu na Rodovia Anhanguera no início da tarde desta segunda-feira (11), em que o jornalista Ricardo Boechat e o piloto Ronaldo Quattrucci morreram, não podia fazer táxi aéreo, mas sim prestar serviços de reportagem aérea. Ainda segundo a Anac, a empresa foi multada, em 2011, por atividade irregular.

Nenhum comentário:

Desenvolvido por Glaucione Farias