sexta-feira, 5 de julho de 2019

Diálogos revelam que Moro era contra a delação de Eduardo Cunha

Compartilhe
Em conversa privada travada em julho de 2017, o juiz Sergio Moro recomendou que o Ministério Público Federal não fechasse acordo de delação premiada com o ex-deputado federal Eduardo Cunha.

O diálogo inédito faz parte do material analisado por VEJA em parceria com o site The Intercept Brasil.

No material que o Intercept diz ter recebido de uma fonte anônima, há quase 1 milhão de mensagens, totalizando um arquivo com mais de 30.000 páginas. Só uma pequena parte havia sido divulgada até agora — e ela foi suficiente para causar uma enorme polêmica. A reportagem realizou o mais completo mergulho já feito nesse conteúdo.


Nenhum comentário:

Desenvolvido por Glaucione Farias